fbpx

Clínica odontológica: veja 13 dicas para fidelizar o paciente

Não basta conquistar pacientes, é necessário também fidelizá-los a fim de manter o seu público e obter sucesso no negócio. Em uma clínica odontológica, não é diferente. O dentista deve investir em algumas estratégias para fidelizar o paciente e fazer com que ele procure os seus serviços novamente.
Contudo, todo esse processo não é uma tarefa fácil e requer  cautela em todos os aspectos do serviço oferecido. Ou seja, mesmo que você seja um bom profissional, é importante se preocupar com o restante.
Então, trouxemos algumas dicas para que você possa investir melhor nesse aspecto. Não deixe de ler o post até o final para aprender como colocá-las em prática!

Como fidelizar o paciente da minha clínica?

1. Busque conhecer o seu público

O primeiro passo para atrair e reter um tipo de público é conhecê-lo. Portanto, é essencial buscar referências, entender quais são as prioridades de seus pacientes, o que eles procuram, o que esperam de um serviço odontológico, entre outras questões.
Assim, será mais fácil estabelecer estratégias que consigam realmente atender as expectativas. Inclusive, depois de receber um novo paciente em sua clínica, vale a pena fazer pesquisas de atendimento ou satisfação, que ajudam a melhorar alguns pontos e reforçar outros.

2. Estabeleça vínculos com o paciente

De maneira geral, as pessoas querem se sentir bem acolhidas ao consumirem um produto ou contratarem um serviço. Querendo ou não, elas fizeram uma escolha entre as opções disponíveis no mercado e desejam ter uma experiência agradável.
Por isso, é importante que você procure estabelecer um vínculo com o paciente para que ele possa sempre registrar suas sugestões, reclamações e elogios. Fazer com que ele se sinta parte do negócio, provavelmente, o deixará mais à vontade e disposto a contribuir para o crescimento de sua clínica.
Para isso, deixe os seus canais de comunicação sempre abertos, mesmo que digitalmente, de forma que ele perceba o seu valor e permaneça sempre em contato.

3. Invista no ambiente

Além da qualidade do serviço prestado pelos profissionais de uma clínica odontológica, há outros investimentos que fazem a diferença na atração e fidelização de pacientes. Nesse sentido, o ambiente da clínica é um ponto importante de ser observado para que você possa oferecer um local aconchegante para o seu público.
Isso não quer dizer que seja necessário fazer um espaço cinematográfico, mas apenas ficar atento a alguns detalhes como:

  • a limpeza do ambiente;
  • o conforto e a conservação do mobiliário;
  • as opções de entretenimento (revistas, jornais, música, jogos para crianças, televisão ou até mesmo Wi-Fi);
  • a temperatura agradável, seja com ar-condicionado ou ventiladores;
  • os pequenos agrados, como água, café, chá ou bolachas.

4. Divulgue informações e novidades

Dificilmente você será conhecido se não divulgar o seu trabalho. É claro que pode chegar um ponto em que você já tenha estabelecido uma boa base de pacientes que promovam o boca a boca, mas nunca é demais investir na renovação deles.
Até mesmo os pacientes já fidelizados gostam de conferir as informações da clínica, permanecendo em contato e por dentro das novidades. E para manter essa comunicação ativa, você deve:

  • manter um site atualizado, fazendo postagem regular para que todos possam ficar sabendo das principais notícias da clínica;
  • garantir uma linha de telefone sempre disponível para que seja fácil entrar em contato com sua equipe e obter informações necessárias;
  • criar perfis nas redes sociais que abordem dicas e dados relevantes, mantendo sempre um marketing positivo e mais atrativo, incentivando a comunicação entre sua clínica e os pacientes;
  • mandar e-mails para os pacientes com informações, promoções e comunicados que possam ser agradáveis e interessante, evitando, claro, o excesso para que suas mensagens não sejam inconvenientes.

Enfim, a ideia é facilitar o acesso do paciente aos seus serviços e estreitar esse relacionamento, o que agrega valor e credibilidade a sua imagem. O mundo digital tem sido um bom aliado nesse momento, portanto não deixe de explorá-lo, sempre priorizando a qualidade do seu conteúdo.

5. Priorize o bom atendimento

Diplomas na parede são admiráveis mas é ainda melhor poder contar com um atendimento de excelência, que transmita segurança e a sensação de ter feito uma boa escolha. Logo, desde o momento que o paciente entra em contato com a clínica até ele colocar seus pés fora dela, ele deve ser muito bem atendido.
Inclusive, essa deve ser grande parte da preocupação do dentista, já que há muitos casos em que ele oferece um bom atendimento, mas alguém da sua equipe acaba pecando nesse sentido. Então estabeleça valores, como gentileza, boa educação, respeito e atenção para todos dentro da clínica.

6. Reconheça o valor do paciente

Não é porque o paciente veio fazer uma consulta que ele vai voltar. Se ele não tiver uma boa experiência, na qual se sinta valorizado, isso dificilmente ocorrerá. Portanto, é importante saber reconhecer o valor de todo e qualquer tipo de paciente, desde aquele que fez uma simples limpeza bucal até aquele que realizou um tratamento mais complexo.
Uma boa tática para isso é apostar no pós-atendimento, disponibilizando um pouco mais da sua atenção para tirar dúvidas ou fornecer dicas. Não se esqueça também de demonstrar sua presença em datas especiais, como aniversário e festas de fim de ano — é um tipo de agrado simples, mas que faz toda a diferença!

7. Ofereça recompensas

Como agradar um paciente que já é fiel há um bom tempo? Oferecendo recompensas e mimos que cause uma impressão mais positiva. Embora em algumas fases a situação não permita, tente oferecer algum tipo de benefício para seus pacientes sempre que puder.
Descontos, brindes, facilidades de pagamento, novos tratamentos, investimentos na clínica, enfim, há diversas maneiras de você privilegiar sua clientela e fazer com que a fidelização seja uma vantagem na sua clínica odontológica mesmo dentro da lei.

8. Garanta a qualidade do serviço

Um bom profissional da odontologia deve estar sempre atento às novidades do mercado, à qualidade dos produtos que utiliza e ao atendimento que ele e sua equipe oferecem. Além disso, os seus conhecimentos devem estar em constante evolução, adquirindo diferenciais para um atendimento cada vez melhor.
Qualquer área de trabalho requer muita responsabilidade, mas quando lidamos com a área da saúde parece que esse peso é ainda maior. Então, a prioridade deve ser sempre prestar um serviço de qualidade, de forma a melhorar o bem-estar e a qualidade de vida dos pacientes. Esse é um dos principais passos para adquirir credibilidade e fidelizar o público.

9. Seja organizado

Um quesito que normalmente conta muitos pontos é a capacidade de gestão e organização da clínica, sobretudo porque isso reflete no tempo de espera das pessoas para serem atendidas e, consequentemente, na sua satisfação. Atualmente, todo mundo vive uma rotina corrida e nem sempre há muito tempo disponível para esperar.
É claro que imprevistos acontecem, mas com um dia a dia organizado é bem mais fácil cumprir os horários e atender a todos da melhor maneira possível — tente garantir que os atrasos sejam exceções à regra em sua clínica.

10. Utilize um software de gestão

Alguns softwares de gestão foram criados exatamente para ajudar você a se relacionar melhor com seus pacientes, criando vínculo e, consequentemente, fidelização, além de ser uma ferramenta de excelência para quem busca uma forma de gerenciar o negócio.
Esses programas são conhecidos por ajudar no relacionamento entre a clínica e os pacientes, aprimorando a qualidade do atendimento, focando em estratégias que ajudam a encantar pessoas.
Para que você consiga obter um software de qualidade é fundamental que ele seja voltado para controlar a movimentação dos seus pacientes, oferecendo um sistema automatizado e completo que forneça todos os dados que você precisa para agilizar seu atendimento.
Mas é importante avaliar a qualidade do aplicativo antes de contratar o serviço, pois você deve ter certeza de que ele atenderá suas necessidades, cumprindo o que está sendo prometido.
Com isso, é possível ter um gerenciamento mais efetivo, reduzindo o tempo gasto nas filas e proporcionando uma experiência mais positiva e qualificada.

11. Crie um programa de fidelidade

Programas como esse são muito comuns em empresas de outros segmentos, mas isso não quer dizer que você não possa aplicá-lo em sua clínica. O que você precisar fazer é avaliar as condições do seu consultório e que tipo de premiação poderia ser mais atraente para os seus pacientes.
Por exemplo: você pode oferecer clareamento dental gratuito para pessoas que colocam aparelhos dentários e fazem todo o tratamento no seu consultório. Ou ainda, criar planos para que integram o procedimento e exames específicos.
Veja que tipo de prêmio é mais viável de acordo com o perfil de cada paciente e quais os passos mais assertivos para ganhar a atenção deles e, assim, conquistá-los.

12. Entregue sempre mais que o prometido

Quando uma pessoa procura pelo seu consultório ela já tem mais ou menos a ideia do que precisa. Oferecer um serviço de qualidade é uma obrigação que cria valor ao seu negócio. Mas se você quer mesmo encantar seu paciente, então você deve ir além do que ele espera.
Verifique as necessidades reais da pessoa e ofereça outros serviços que possam agradá-lo, superando as suas expectativas. Você pode aproveitar para fazer promoções, pacotes de tratamentos ou criar um atendimento personalizado e único, como colocar música durante os procedimentos ou oferecer algum tipo de conforto extra.

13. Tenha uma comunicação cordial e mais pessoal

Você não pode se esquecer que o paciente pode estar fragilizado, já que tudo é uma questão de saúde. Por isso, sempre que for realizar um atendimento, você deve ser o mais cordial possível, respeitando o momento da pessoa.
Treine sua equipe para que ela possa olhar um paciente como único, mantendo sempre a atenção naquilo que ele apresenta e fala. Mantenha uma linguagem mais simples e próxima da pessoa.
Tente manter uma relação amigável, mas sem extrapolar a intimidade, pois o excesso pode assustar e causar certo constrangimento.
Fidelizar o paciente não é algo complicado, você precisa conhecê-lo e entender quais são suas preocupações, oferecendo o que ele espera. Para conseguir o sucesso que você busca, basta seguir nossas dicas e aplicá-las em seu consultório. Quer saber como manter uma boa gestão de pacientes? Então leia nosso artigo Gestão de pacientes: o que significa e qual sua importância?

Software para Clínicas