fbpx

Como saber a hora certa de reajustar os preços das consultas?

Uma realidade que não foge da rotina dos donos de clínicas é a busca constante por melhorias na gestão. Dentro dessa prática está a atualização dos preços das consultas, tendo em vista que o mercado sofre constantes oscilações nos valores das matérias-primas, nos gastos fixos e variáveis, sem falar nos reajustes anuais nos salários dos colaboradores.

Como é quase impossível manter o valor por longos anos, nada melhor que saber o momento certo para fazer o aumento. É o que vamos mostrar neste post.

Confira!

Qual o momento ideal para reajustar o preço das consultas?

Essa é uma pergunta com inúmeras variáveis na resposta e que também faz com que muitos gestores fiquem receosos na hora da decisão. Afinal, em momentos de crise, como no atual por conta da pandemia do coronavírus, os pacientes podem interpretar como uma falta de humanidade ou até mesmo uma afronta.

Contudo, é preciso analisar com sabedoria todos os gastos que existem na manutenção de uma clínica, como aluguel, contas de água, luz, salário dos funcionários, materiais, enfim, a lista é extensa. Como a inflação não está controlada no Brasil, existem alguns sinalizadores que ajudam a decidir se é o momento certo ou não para um possível reajuste nos preços das consultas.

Afinal, gestores que deixam os valores defasarem podem amargurar sérios problemas, como dívidas trabalhistas, falta de uma reserva para urgências e impossibilidade de melhorias por meio de investimentos.

Portanto, observe os seguintes fatores na hora de decidir se vale a pena ou não fazer um reajuste.

Oferta e demanda

Observe o mercado e veja quanto os pacientes estão dispostos a pagar por uma consulta, analisando a concorrência.

Custos

Os preços dos produtos de limpeza, dos impostos, salários, aluguel e demais contas sempre recebem reajustes anuais, ou seja, é preciso acompanhar essa tendência. Ainda, faça um estudo sobre a margem de lucro almejada, estando sempre com preços de consultas compatíveis com o mercado ao seu redor.

O que considerar antes de aumentar?

Sendo inevitáveis em razão das oscilações no mercado, os reajustes precisam acontecer e devem estar sintonizados com as tendências do mercado, assim como acontece com vários aumentos que afetam a vida da população, por exemplo, do gás de cozinha ao arroz. No caso de clínicas médicas, considere também a qualidade dos atendimentos. Para mantê-la, há influência de outros gastos que sempre sofrem mudanças nos valores.

A energia elétrica fica mais cara todos os anos, tanto quanto o valor de um determinado equipamento, principalmente se estiver orçado em dólar. Até mesmo a fidelização dos pacientes demanda gastos com campanhas publicitárias, investimentos em marketing digital, comunicação visual e eventos informativos, seja online ou presencial.

Outro aspecto que precisa ser considerado é a capacitação da equipe, situação fundamental para agregar valor à sua empresa. Treinamentos custam dinheiro, mas trazem benefícios inquestionáveis, como motivação e mais engajamento por parte dos colaboradores. Assim, os custos fixos e variáveis precisam sempre estar em mente para você fazer um reajuste justo e que não afaste os pacientes da sua clínica, como veremos agora.

Como evitar a perda de pacientes após um reajuste?

A qualidade no atendimento e a excelência nos serviços prestados contribuem para que os pacientes sejam fidelizados e não se apeguem a possíveis aumentos nos preços das consultas. Entretanto, nada melhor que agir corretamente para não perder os seus clientes e também os potenciais, que futuramente serão atendidos em sua clínica. Para isso, siga essas dicas que selecionamos com foco no sucesso do seu negócio.

Avise com antecedência

Antes de efetuar um determinado aumento, nada melhor que avisar aos pacientes sobre a decisão. Demonstre os motivos e tome essa atitude com, pelo menos, dois meses de antecedência. Assim, as pessoas não serão pegas de surpresa e, muito menos, ficarão com um olhar negativo sobre a sua clínica. O aviso pode ser via e-mail, aplicativo ou em mensagens na recepção.

Invista em melhorias

Quando uma clínica médica faz constantes melhorias e investe em equipamentos modernos e tecnologia, certamente os pacientes entenderão a necessidade do reajuste nos preços das consultas. Essa dica também está sintonizada com a qualidade nos atendimentos, pois, quando há investimentos, os diagnósticos se tornam mais precisos, influenciando a satisfação dos pacientes.

Faça transição de preço

A transição nos valores exige cautela e uma comunicação eficaz. Por isso, além de avisar com antecedência sobre a decisão, vale a pena fazer a mudança gradativamente, colocando uma data para o novo preço entrar em vigor. Ao manter a qualidade, sempre praticando preços justos e alinhados com a concorrência, certamente a sua clínica manterá os pacientes, pois as pessoas valorizam as boas experiências, principalmente no setor da saúde.

Qual a importância de praticar preços de consultas justos?

Como as contas não fecham sem os reajustes, sempre é importante que os gestores de clínicas médicas pratiquem valores justos e que estejam alinhados com a realidade do mercado. Ao agir assim, os pacientes entenderão os índices de aumento e continuarão fidelizados, pois perceberão que a qualidade no atendimento se mantém.

Além disso, a prática de preços justos demonstra que o gestor é ético e compromissado com as constantes melhorias. Afinal, as doenças mudam assim como os tratamentos, necessitando de investimentos para manter os diagnósticos corretos. Outra questão fundamental é o alto nível de competitividade existente no mercado, ou seja, ficaria bem difícil o acompanhamento das tendências da área médica sem os reajustes.

Inclusive, a introdução de softwares nas clínicas, integrando a gestão, é uma iniciativa que se faz necessária e exige investimentos, ou seja, sem aumentos não haveria caixa suficiente para dar conta de todos os gastos. A manutenção da estrutura da clínica também exige recursos. Podemos citar pintura, serviços elétricos, hidráulicos, revisões nos equipamentos, reformas etc.

Portanto, reajustar os preços das consultas é uma atitude que faz parte da rotina de uma clínica médica. Seguindo as nossas dicas, certamente a sua empresa manterá os atuais pacientes e ainda terá atrativos para conquistar mais pessoas, sempre fidelizando em razão da excelência nos serviços prestados.

E aí, o conteúdo foi útil para você? Quer sempre acompanhar as nossas novidades? Então, siga a gente nas redes sociais! Estamos no Instagram, Facebook e YouTube.

Software para Clínicas